ANÁPOLIS GOIÁS
Atualizado em 07/08/2023 - 13:10

Um idoso de 75 anos foi brutalmente assassinado com golpes de facão na noite de sábado (5), na região central de Anápolis. Instantes após o crime, a Polícia Militar (PM) prendeu o vizinho da vítima, de 73 anos, que confessou o homicídio. Aldo Tavares, era natural de Pirenópolis (GO), e morreu dentro da quitinete que morava, na Rua Leopoldo de Bulhões, próximo ao Terminal Urbano.

À Rádio São Francisco FM, o delegado Vander Coelho, titular do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH), informou que não havia histórico de desentendimento entre autor e vítima. 

“O autor em uma situação de surto e entendeu que o idoso [vítima] poderia fazer algum tipo de mal e que poderia atacá-lo. Então, o autor invadiu o quarto da vítima e começou a desferir os golpes de facão. Houve uma tentativa de contenção por parte do proprietário das quitinetes, mas infelizmente não foi possível pois ele também é idoso“, disse o delegado.

PM e IML local do homicídio (Foto: Jonathan Cavalcante)
Viaturas da PM e IML local do homicídio (Foto: Jonathan Cavalcante)

Idoso e autor do homicídio preso

Vander Coelho classificou a ocorrência como uma situação inusitada. No entanto, ele destacou a rápida ação da Polícia Militar na prisão do idoso que praticou o homicídio. “A PM passava pelo local e um morador indicou o que aconteceu e de imediato os policiais conseguiram prender o autor”, disse o titular do GIH.

Testemunhas do ocorrido prestaram depoimento na Central de Flagrantes da Polícia Civil. Após perícia, Instituto Médico Legal (IML) recolheu o corpo de Aldo Tavares.

Por fim, o idoso que praticou o crime responderá por homicídio. Ele está recluso na Cadeia Pública de Anápolis e permanece à disposição do Poder Judiciário.

Plantão Policial

Ouça o resumo das ocorrências registradas de sábado (5) até o início da manhã desta segunda-feira (7):

Tags

PUBLICIDADE
Whatsapp
Enviar mensagem