ANÁPOLIS GOIÁS
SUPER NOITE
Atualizado em 28/01/2023 - 10:22

A Polícia Militar de Goiás está de luto. O sargento Welton da Silva Veiga morreu após troca de tiros com policiais civis, em Anápolis. Dois agentes da Polícia Civil foram baleados durante a tentativa de cumprimento do mandado de prisão na manhã de sexta-feira (27) no Jardim Calixto. A Secretaria de Segurança Pública (SSP) diz que as investigações seguem em caráter sigiloso.

Os policiais civis que ficaram feridos foram socorridos ao Hospital de Urgências de Anápolis Dr. Henrique Santillo (HEANA). Ainda não há atualização sobre o quadro clínico dos pacientes.

De acordo com nota encaminhada pela SSP, no momento do cumprimento dos mandados de prisão, e de busca e apreensão, os agentes da Delegacia de Homicídios de Goiânia estavam acompanhados por uma equipe da Corregedoria da PM.

Após o fato, foi realizada uma minuciosa perícia no local do confronto. Armas e várias capsulas de munição foram apreendidas pela Polícia Civil.

Local da troca de tiros foi isolado pela PM durante a perícia (Foto: Jonathan Cavalcante/Rádio São Francisco FM)
Local da troca de tiros foi isolado pela PM durante a perícia (Foto: Jonathan Cavalcante/Rádio São Francisco FM)

Plantão Policial

O repórter Jonathan Cavalcante apurou detalhes da troca de tiros que terminou com a morte do sargento Veiga. Um disparo de arma de fogo na cabeça teria sido o motivo para a morte do PM. Ouça os detalhes no Plantão Policial deste sábado (28):

Tags

PUBLICIDADE
Whatsapp
Enviar mensagem