ANÁPOLIS GOIÁS
SUPER NOITE ESPECIAL
Atualizado em 18/03/2024 - 12:43

O Procon Anápolis publicou nesta semana uma pesquisa  que revelou variação de até 160% nos preços dos pescados em estabelecimentos comerciais de Anápolis. O consumo de peixe aumenta consideravelmente durante a Quaresma e, com a chegada da Semana Santa (de 24 a 30 de março) a procura se intensifica ainda mais.

Os dados foram coletados nos dias 08, 11 e 12 de março em oito estabelecimentos de diferentes bairros da cidade, separados por segmentos, quatro peixarias e quatro supermercados.

Nas peixarias, o Bacalhau Saithe desfiado foi o item que apresentou maior variação (160%), com o menor preço encontrado a R$ 25 e o maior a R$ 65. O Bacalhau Porto, com 75% de variação, é o segundo maior em diferença de preços (entre R$ 85,00 e R$ 149,00).

O camarão cinza limpo tamanho “M” foi encontrado com valores entre R$ 100,00 e R$ 72,25 (67% de variação). Já o filé de salmão congelado teve apenas 4% de variação, com preços entre R$ 95,00 e R$ 99,00.

Nos supermercados, o Filé de Tilápia teve a maior variação de preços (146%), encontrado com valor entre R$ 25,29 e R$ 62,22. Logo em seguida está o Filé de Mapará com variação de 119% (entre R$ 18,99 e R$ 41,58)

Os valores do peixe foram pesquisados com base no menor preço ofertado no estabelecimento, independentemente de marcas. Desse modo, em alguns pontos comerciais não foi possível encontrar o mesmo produto, razão pela qual se observam pequenas variações nas características de alguns itens, por essa razão o Procon orienta o consumidor a sempre aliar preço à qualidade do produto.

Consumidor deve observar a qualidade do peixe

Além do preço, é importante saber avaliar a qualidade do peixe. “Observe a aparência do produto: olhos brilhantes, escamas firmes e sem odor forte. Então, dê preferência a pescados frescos ou congelados em boas condições de armazenamento. Portanto, evite produtos com embalagens danificadas e preste atenção na data de validade”, disse o diretor do Procon Anápolis, Wilson Velasco.

Mais informações podem ser verificadas no relatório completo da pesquisa. Além disso, denúncias de práticas abusivas e violações ao direito do consumidor podem ser feitas ao Procon Anápolis através do WhatsApp (62) 3902-1365.

Tags

PUBLICIDADE
Whatsapp
Enviar mensagem