ANÁPOLIS GOIÁS
MANHÃ DA SÃO FRANCISCO
Atualizado em 28/05/2024 - 9:49

Uma mulher de Anápolis sofreu difamação e recebeu ameaças depois de ser perseguida por um homem casado e revelar o caso para a esposa dele. Toda a situação, que foi relatada pela vítima à polícia, começou em dezembro de 2023.

A mulher, que trabalhava em uma academia, acompanhou os exercícios de um cliente e fez uma foto com ele, ao postar o registro no Instragram, a mulher marcou o perfil do homem, e descobriu assim que ele era casado e que a esposa dele também malhava no mesmo local.

Isso, no entanto, não impediu o homem de fazer investidas contra ela: a mulher recebeu dele um convite para sair, e recusou. Pouco tempo depois, ele a chamou para conversar sobre a situação e pediu o endereço da mulher.

O homem foi até a casa dela, onde continuou as investidas, tentando agarrar e beijar a vítima. Ela pediu que ele parasse e que fosse embora. Depois deste dia, os dois ficaram cerca de um mês sem contato.

Início do caso extra-conjugal

Eles só voltaram a se encontrar devido a um evento promovido pela academia. O homem a convidou para ir até a casa dele logo depois e ela, novamente, recusou. Não satisfeito, ele a perseguiu até em casa e lá continuou a tentar agarrar a mulher, que por fim cedeu aos avanços dele.

Já em fevereiro de 2024, ela estava trabalhando quando recebeu uma mensagem do homem, novamente pedindo para vê-la e afirmando que precisava conversar. Ele foi até a academia e perguntou se ela não sentia sua falta. A vítima respondeu que não e afirmou que não queria mais se relacionar com ele.

No relato dado pela vítima, consta que ela passava por problemas emocionais neste período e, por isso, cedeu às investidas incessantes do homem. Assim, eles começaram a ter um caso e a se encontrar nos intervalos do trabalho e da academia.

Ultimato

Por fim, ela se cansou de viver na situação de amante e o pressionou para que ele tomasse uma decisão: ou assumir ou terminar. Ela também pediu que ele se afastasse dela e não a procurasse a não ser que quisesse um relacionamento sério.

O homem não deixou o casamento. Para colocar um fim no caso, a vítima contou tudo para a esposa dele e explicou que o homem não parava de procurá-la, além de não se decidir e nem resolver a situação.

“Já pedi para que ele se afastasse de mim, pois não quero confusão. Porem o mesmo continua insistindo em me procurar em todos os lugares, inclusive indo ate a minha casa e meus locais de trabalho. Já expus tudo a esposa com a intenção de sanar toda essa situação de forma pacífica, onde não houvesse constrangimento para ambas as partes mas não houve sucesso”, relatou a vítima.

Logo depois, a esposa parou de frequentar a academia e foi aí que começaram as ameaças e a difamação. Conforme informado pela vítima, o homem e a esposa passaram a espalhar boatos sobre ela, inclusive em seu local de trabalho e para pessoas próximas.

O casal foi autuado pelos crimes de difamação e ameaça.

Tags

PUBLICIDADE
Whatsapp
Enviar mensagem