ANÁPOLIS GOIÁS
AS MAIS, MAIS DA SEMANA 2ª ED.
Atualizado em 02/02/2023 - 13:41

Morreu, na manhã desta quinta-feira (2), a apresentadora e jornalista Glória Maria por complicações de um câncer no cérebro. A informação foi confirmada pelo TV Globo, empresa em que trabalhava desde o início dos anos 1970. Glória estava internada no Hospital Copa Star, na Zona Sul do Rio de janeiro desde o dia 4 de janeiro.

“Em 2019, Glória foi diagnosticada com um câncer de pulmão, tratado com sucesso com imunoterapia, e metástase no cérebro, tratada cirurgicamente – inicialmente também com êxito. Em meados do ano passado, a jornalista iniciou uma nova fase do tratamento para combater novas metástases cerebrais que, infelizmente, deixou de fazer efeito nos últimos dias”, relatou a assessoria da emissora em nota.

A jornalista deixou duas filhas, Laura e Maria. Em dezembro de 2022, ela foi afastada da apresentação do Globo Repórter para cuidar da saúde.

Pioneira

Glória foi a primeira inúmeras vezes. A experiência dela no jornalismo começou em 1970, quando foi radioescuta da Globo no Rio de Janeiro. Ela foi a primeira repórter a entrar ao vivo, e em cores, na TV, quando em 1977. Glória também fez a primeira transmissão em HD da televisão brasileira, em uma reportagem do Fantástico em 2007.

A jornalista realizou entrevistas com as maiores personalidades do planeta, como Michael Jackson, Harrison Ford, Leonardo DiCaprio e Madonna.

 

Tags

PUBLICIDADE
Whatsapp
Enviar mensagem