ANÁPOLIS GOIÁS
Atualizado em 04/04/2024 - 17:24

Os dois presos que escaparam da Penitenciária Federal de Mossoró (RN) foram recapturados na tarde desta quinta-feira (4) em Marabá, no Pará. Deibson Cabral Nascimento e Rogério da Silva Mendonça estão foragidos desde o dia 14 de fevereiro.

Deibson e Rogério teriam escalado uma das luminárias do presídio. Quando estavam no teto, os presos usaram alguma ferramenta para cortar a cerca e escaparam. 50 dias após a fuga os detentos foram encontrados, a mais de 1600 quilômetros de distância de Mossoró.

Para chegar até este local, os foragidos precisaram passar por pelo menos cinco estados: Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí, Maranhão e Pará.

Os dois foram presos durante uma ação da força-tarefa criada especialmente para o caso. A PF, PRF e Polícias Civil e Militar dos estados recapturaram Deibson e Rogério na ponte que atravessa o Rio Tocantins.

Deibson cumpria uma pena de 33 anos por assalto a mão armada. Já Rogério tinha sentença de 5 anos por tráfico, além de responder por homicídio qualificadoroubo e violência doméstica, ambos pertencem ao Comando Vermelho, principal facção criminosa do Rio de Janeiro.

Os dois serão enviados de volta à Penitenciária Federal de Mossoró (RN).

A Penitenciária Federal de Mossoró, onde ocorreu a fuga, não possui muralha de contenção. (Foto: Reprodução / Senappen)

Penitenciária Federal de Mossoró, onde ocorreu a fuga (Foto: Reprodução / Senappen)

 

Tags

PUBLICIDADE
Whatsapp
Enviar mensagem