ANÁPOLIS GOIÁS
MANHÃ DA SÃO FRANCISCO
Atualizado em 26/06/2024 - 15:45
Igor está sendo investigado pela Polícia Civil por crimes de estelionato, constrangimento de menor, discriminação à pessoa com deficiência e apropriação de bens proventos de pessoa com deficiência. (Foto: Captura)
Igor está sendo investigado pela Polícia Civil por crimes de estelionato, constrangimento de menor, discriminação à pessoa com deficiência e apropriação de bens proventos de pessoa com deficiência. (Foto: Captura)

Acusado de desviar dinheiro de doações destinadas à sua filha Sofia, que sofre de paralisia cerebral, o influenciador de Anápolis, Igor Viana, veio ao T1kT0k na noite desta terça-feira (26) para, segundo ele, “fazer alguns esclarecimentos”.

No vídeo, que já tem quase um milhão de visualizações, o “pai da Soso” afirma que ainda está em Goiás, à disposição das autoridades. Em um live anterior, Igor havia dito que iria para o Mato Grosso, após pessoas tirarem fotos da porta de sua casa, em Anápolis.

“Tiraram foto da porta da loja da minha mãe e disseram que iam invadir e que iam quebrar tudo”, diz ainda o influencer. Após o vazamento de áudios em que Igor chama seus seguidores de “trouxas” e afirma sentir vontade abandonar Sofia em um orfanato, ele perdeu 48 mil seguidores no Instagram, o perfil hoje está trancado.

Igor está sendo investigado pela Polícia Civil por crimes de estelionato, constrangimento de menor, discriminação à pessoa com deficiência e apropriação de bens proventos de pessoa com deficiência.  Em nota, a defesa de Igor disse que ele é inocente, mas que por se tratar de inquérito policial que tramita sob sigilo, a defesa e os envolvidos estão impedidos de prestar informações mais detalhadas sobre a investigação.

Veja o vídeo:

Tags

PUBLICIDADE
Whatsapp
Enviar mensagem