ANÁPOLIS GOIÁS
CONEXÃO SERTANEJA
Atualizado em 21/08/2023 - 17:39
GettyImages
Petrobras decidiu manter, por hora, os valores cobrados para a gasolina e para o GLP (Foto: GettyImages)

O técnico em defesa do consumidor do Procon Anápolis, Pedro Henrique, revelou à Rádio São Francisco FM que 35 postos da cidade foram notificados por possível aumento injustificado no preço do combustível antes de adquirirem diesel ou gasolina com os novos valores do reajuste anunciado pela Petrobras no dia (15).

Segundo Pedro, o Procon identificou que um dos postos aumentou R$ 0,50 centavos no litro da gasolina assim que houve a divulgação oficial da Petrobras. “Vamos analisar se esse posto realizou ou não um aumento injustificado nos preços”, explicou o técnico.

Equipes do Procon estão monitorando o setor desde o anúncio do reajuste feito na última terça-feira (15). A notificação aplicada pelo órgão exige que os postos apresentem as notas fiscais de compra e venda de combustível em até 48 horas.

Caso seja confirmada a prática ilegal, o estabelecimento será multado por violar o Código de Defesa do Consumidor, por elevar sem justa causa o preço de produtos ou serviços. “O consumidor pode e dever ser o fiscal do Procon. Recebemos denúncias presencialmente e por WhatsApp, pelo 3902-1365″, concluiu Pedro.

Sobre o reajuste

A Petrobras anunciou um novo aumento no valor dos combustíveis, que passou a vigorar no dia seguinte. Esse reajuste, no entanto, é para as distribuidoras, de forma que os postos de combustível só poderiam aumentar o valor na bomba quando comprassem mais combustível.

Foi a primeira vez que a empresa elevou os combustíveis desde que Jean Paul Prates assumiu a presidência da estatal, no fim de janeiro. O preço da gasolina subiu pela segunda semana seguida nos postos de combustíveis, de acordo com levantamento da Agência Nacional de Petróleo (ANP).

Então, o valor médio do litro passou de R$ 5,53 para R$ 5,65 uma alta de 2,16%. Já o diesel teve aumento de valor pela terceira semana consecutiva, de R$ 5,00 por litro, em média, para R$ 5,38. Foi um aumento de 7,60%.

Tags

PUBLICIDADE
Whatsapp
Enviar mensagem