ANÁPOLIS GOIÁS
MANHÃ DA SÃO FRANCISCO
Atualizado em 22/06/2024 - 17:26
Julio Adrião encena o solo narrativo "A descoberta das Américas" há quase 20 anos. (Foto: Divulgação)
Julio Adrião encena o solo narrativo "A descoberta das Américas" há quase 20 anos. (Foto: Divulgação)

O espetáculo “A Descoberta das Américas”, estrelado pelo renomado ator Julio Adrião, será apresentado no Teatro Municipal de Anápolis no próximo dia 3 de julho. A peça, trazida pelo Grupo Matula Cênica e dirigida por Alessandra Vanucci, será exibida às 19 horas.

Os ingressos são gratuitos e podem ser retirados digitalmente através da plataforma Sympla: Link para Sympla.

Julio Adrião recebeu o Prêmio Shell RJ de melhor ator em 2005 por sua atuação em “A Descoberta das Américas”, uma peça de Dario Fo. O ator também participou da minissérie “Amazônia, de Galvez a Chico Mendes” (2007), exibida na Rede Globo, e de produções de destaque do cinema nacional, como “Nise – O Coração da Loucura” (2015), de Roberto Berliner, “Disparos” (2012), de Juliana Reis, “Tropa de Elite 2 – O Inimigo Agora é Outro” (2010), de José Padilha, e “Verônica” (2009), de Maurício Farias.

A Descoberta das Américas

A peça narra a vida de Johan Padan, um homem simples, mas astuto e carismático, que escapa da execução na fogueira pela inquisição ao embarcar em direção às Américas. Durante sua jornada, Johan sobrevive a um naufrágio, testemunha massacres, é preso, escravizado e quase devorado por canibais.

Com o tempo, ele aprende a língua indígena e se torna uma espécie de líder religioso para os nativos em uma batalha de libertação contra os colonizadores.

“O espetáculo ‘A Descoberta das Américas’ está em seu 19° ano de itinerância, e isso só aumenta a nossa responsabilidade, devido à expectativa gerada. Cada nova apresentação é um espetáculo único que é construído”, afirma Julio Adrião.

Xandra El Afiouni, gestora e atriz do Matula Cênica, destaca a potência do espetáculo ao falar sobre o encontro com o ator. “Conhecemos Julio Adrião através de um projeto dos parceiros da Território Cultural e ficamos maravilhadas com a força da peça ‘A Descoberta das Américas’. Em cena está apenas o ator, sua presença cênica e mudanças de luz… e apenas isso basta para manter a plateia fixada em uma peça que dura quase uma hora”, comenta a gestora.

O espetáculo “A Descoberta das Américas” é trazido a Anápolis pelo grupo Matula Cênica através do edital de Fomento ao Teatro do Fundo de Arte e Cultura do Estado de Goiás 2023. A iniciativa conta com o apoio da Escola de Teatro de Anápolis e da Flor de Pequi Produções Artísticas.

Tags

PUBLICIDADE
Whatsapp
Enviar mensagem