ANÁPOLIS GOIÁS
MANHÃ DA SÃO FRANCISCO
Atualizado em 06/04/2024 - 13:28
José Borges estava internado no Hospital Evangélico Goiano (Foto: Arquivo Familiar)
José Borges estava internado no Hospital Evangélico Goiano (Foto: Arquivo Familiar)

Morreu neste sábado (6) em Anápolis, aos 91 anos, o ex-vereador José Borges. Ele estava internado no Hospital Evangélico Goiano (HEG), onde não resistiu e acabou falecendo. Zezé, como era tratado carinhosamente pelos amigos, foi fundador das conferências vicentinas em mais de trinta cidades goianas. Na política foi eleito vereador por três mandatos consecutivos (1989 a 2000).

Instantes antes do comunicado de morte, o filho e atual vereador Lisieux José Borges (PSB) disse em entrevista ao vivo nos estúdios da Rádio São Francisco FM que o pai dele, José Borges, não estava bem de saúde.

O velório aconteceu no salão da Capela Santa Rita de Cássia, seguido do sepultamento no Cemitério São Miguel.

Relembre a trajetória de José Borges

José Borges nasceu em Jaraguá, no dia 24 de março de 1933. Mudou-se para Anápolis com a família no mesmo ano, com poucos meses de nascido. Ele ficou conhecido por uma efetiva ação caritativa.

Na juventude trabalhou como tipógrafo, tendo também atuado por vários anos no interior de Goiás como dentista prático.

Casado com Lourdes Barbosa Borges por quase sete décadas, o casal teve sete filhos, incluindo Lisieux José Borges que também se tornou vereador.

José Borges ao lado da esposa Lourdes Barbosa Borges (Foto: Arquivo Familiar)
José Borges ao lado da esposa Lourdes Barbosa Borges (Foto: Arquivo Familiar)

Em face da sua inserção social e religiosa, José Borges também participou ativamente de diversos movimentos da Igreja Católica, contribuindo na formação espiritual de muitas gerações. Dentre os movimentos aos quais se dedicou, inclusive como dirigente, destacam-se: Cursilho de Cristandade, Encontro Conjugal, Curso de Noivos, Curso de Pais e Padrinhos, Treinamento de Liderança Cristã (TLC).

Foi eleito presidente do Serra Internacional em Anápolis, em 1988, associação vinculada à Obra Pontifícia das Vocações Sacerdotais, entidade na qual havia sido eleito vice-presidente em 1985. Ajudou a fundar Comunidades Eclesiais de Base em várias cidades e atuou como Ministro Extraordinário da Comunhão Eucarística.

Em todo esse tempo, se dedicou de maneira especial à Sociedade São Vicente de Paulo como membro atuante e vocacionado ao serviço dos mais necessitados.

Como vicentino, participou do Conselho Metropolitano de Anápolis, tendo sido Presidente da Conferência São Contardo Ferrini. Eleito Presidente do Asilo São Vicente de Paulo, por dois mandatos consecutivos, esteve à frente dessa instituição por dez anos (de 1991 a 2001), período profícuo em que foi realizada reforma do prédio e inaugurada a Ala João José Ferreira.

Contribuiu com a fundação de Conferências Vicentinas em cerca de 25 cidades. Além disso, prestou serviço voluntário durante vários anos em instituições como Leprosário de Anápolis, Lar Monsenhor Pitaluga e Centro Comunitário Vicentino de Goiânia, entre outras. Ajudou a construir centenas de casas para os assistidos, além de creche, albergue noturno e centro comunitário.

José Borges foi eleito vereador por três mandatos

Em virtude do reconhecimento sobre essa atuação singular e coerente, foi eleito vereador por três mandatos, sempre com expressiva votação em todos os pleitos dos quais participou (1989-1992, 1993-1996, 1997-2000).

Como vereador teve destaque na elaboração da Lei Orgânica do Município de Anápolis, promulgada em 1990, tendo apresentado o maior número de emendas ao projeto.

Ex-vereador José Borges recebeu título de cidadania anapolina em novembro de 2019 (Foto: Câmara Municipal de Anápolis)
Ex-vereador José Borges recebeu título de cidadania anapolina em novembro de 2019 (Foto: Câmara Municipal de Anápolis)

Por sua reconhecida atuação, recebeu a Medalha do Mérito Parlamentar, em 2000, em eleição promovida pela União dos Vereadores de Goiás (UVG). Devido aos relevantes serviços prestados à cidade, foi contemplado, pela Prefeitura de Anápolis, com a Comenda Gomes de Souza Ramos, em 2009. E pela Câmara Municipal de Anápolis com a Comenda Henrique Santillo em 2011.

Recebeu ainda, do Rotary Club de Anápolis, o diploma de Mérito Profissional, em 2009. Em 2018 foi agraciado pela Câmara Municipal de Anápolis com o Certificado Vereadora Vilma Rodrigues, pelo trabalho de defesa e proteção aos idosos em Anápolis.

Lisieux José Borges, ao lado do pai, José Borges (Foto: Arquivo Familiar)
Lisieux José Borges, ao lado do pai, José Borges (Foto: Arquivo Familiar)

José Borges também recebeu a Medalha do Mérito Legislativo Pedro Ludovico Teixeira, na Assembleia Legislativa de Goiás, em novembro de 2019.

* com informações da Câmara Municipal de Anápolis

Tags

PUBLICIDADE
Whatsapp
Enviar mensagem