ANÁPOLIS GOIÁS
MANHÃ DA SÃO FRANCISCO
Atualizado em 22/06/2024 - 9:47
Rebecca começava um vídeo de maquiagem quando ouviu os disparos. (Foto: Reprodução)
Rebecca começava um vídeo de maquiagem quando ouviu os disparos. (Foto: Reprodução)

A influenciadora estadunidense Rebecca Olugbemi, de Maryland, nos Estados Unidos, estava em casa quando resolveu gravar um vídeo mostrando um produto de maquiagem, por volta das 22 horas da última segunda-feira (17). Mas com poucos segundos de gravação, Rebecca escuta o som de tiros, fica preocupada e resolve parar o vídeo.

Quando desistiu do vídeo de maquiagem, a influenciadora ainda não sabia que seu irmão, o boxeador Isaiah Olugbemi, de 27 anos, havia acabado de ser baleado com vários disparos, em uma rua ao lado de casa. Conforme apuração do New York Times, Isaiah foi levado para o Centro de Trauma de Choque R Adams Cowley, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no mesmo dia.

O rapaz sonhava em se tornar um lutador profissional de boxe e havia ganhado um campeonato nacional poucos dias antes do crime. Isaiah deixa um filho de dois anos de idade.

Um vizinho dos irmãos, Nicholas Giroux, foi preso no dia seguinte pelo assassinato de Isaiah. Conforme informações divulgadas pela polícia, o homem de 36 anos, já havia ameaçado o lutador no passado.

Veja o vídeo:

 

Tags

PUBLICIDADE
Whatsapp
Enviar mensagem