ANÁPOLIS GOIÁS
SHOW DA SÃO FRANCISCO
Atualizado em 16/05/2024 - 15:15
Da direita para a esquerda: Silvio Luiz, Antero Greco e Washington Rodrigues. (Foto: Montagem)

O narrador Silvio Luiz, o apresentador Antero Greco e o radialista Washington Rodrigues (Apolinho) morreram nesta semana. Os três eram considerados grandes nomes da imprensa esportiva brasileira, com carreiras que deixaram marcas profundas no segmento.

Silvio Luiz

Silvio estava internado no Hospital Oswaldo Cruz, em São Paulo, desde o último dia 8 e morreu por volta das 10 horas desta quinta-feira (16), aos 89 anos devido à falência de múltiplos órgãos. O narrador criou diversos bordões do jornalismo de futebol, como “Olho no lance“, “Pelo amor dos meus filhinhos” e “Foi, foi, foi, foi, foi ele!”.

Conhecido por informalizar a apresentação esportiva, Silvio foi o responsável pelo primeiro palavrão dito ao vivo na televisão brasileira. Isso ainda em 1953, em uma partida transmitida em tempo real entre São Paulo e Corinthians.

“O Luizinho, que é o Pequeno Polegar, foi expulso num jogo do Corinthians e eu, naquele afã de repórter muito metido, falei: ‘o que houve Luiz?’. Ele falou: ‘Esse filho da put4 me expulsou’. Porr4, 1953”, contou Silvio em uma entrevista ao UOL, em 2015.

Os bordões de Silvio Almeida foram eternizados no jogo Pro Evolution Soccer (PES), em que a voz gravada do narrador apresenta e comenta os jogos de futebol simulados no videogame. Além de ter vencido inúmeros prêmios, Silvio participou da transmissão de seis Copas do Mundo, nove Olimpíadas e foi apresentador de programas esportivos na TV Bandeirantes, na Record, no SBT e na RedeTV.

Antero Greco

Antero Greco também faleceu nesta quinta-feira (16), por volta das 3 horas no Hospital Beneficência Portuguesa, em São Paulo, aos 69 anos, devido à complicações de um tumor cerebral diagnosticado em 2022. Começou como repórter no O Estado de S. Paulo, onde progrediu na carreira até se tornar editor de esportes. Foi para a televisão nos anos 1990, como comentarista de futebol na Rede Bandeirantes.

Greco se consagrou como apresentador do “SportsCenter“, principal programa da ESPN Brasil, onde trabalhou desde a inauguração, em 2000, ao lado de Paulo Soares, a quem chamava de  “Amigão”. O programa divertido e informal caiu no gosto dos brasileiros, tanto é que ganhou quatro edições diárias a partir de 2019.

Washington Rodrigues (Apolinho)

Washington morreu nesta quarta-feira (15), aos 87 anos, no Rio de Janeiro. O radialista enfrentava um câncer agressivo. Ganhou o apelido “Apolinho” por usar um microfone sem fio semelhante ao utilizados na Missão Apollo 11, a primeira a chegar à lua em 1969.

Apolinho foi o criador de diversas expressões utilizadas no futebol, como “chocolate”, “Geraldinos e Arquibaldos”, “Pau com formiga”, “Pinto no lixo” e “Briga de cachorro grande”. Começou na Rádio Guanabara, no programa “Beque Parado”.

Apesar de ser um flameguista e de já ter até trabalhado para o clube, Apolinho era conhecido pela imparcialidade e pela grande aceitação entre o público. Recebeu diversos prêmios de jornalismo esportivo.

Apresentou o programa líder de audiência “Show do Apolinho” na Rádio Tupi desde a inauguração em 1999 e matinha a coluna “Geraldinos e Arquibaldos” no Jornal Meia Hora.

*Com informações do G1

Tags

PUBLICIDADE
Whatsapp
Enviar mensagem