• Santa Casa de Anápolis suspende paralisação após reunião com titular da SES Quinta-feira, 16/05/2019 às 13:42:57
    A Santa Casa de Misericórdia de Anápolis emitiu um comunicado informando a normalização dos atendimentos de urgência e emergência na unidade, a partir de 18 horas, desta quarta-feira (15). Na última terça-feira (14), o hospital havia paralisado os atendimentos alegando atrasos nos repasses do governo estadual. O anúncio ocorreu após uma reunião entre a diretoria da Santa Casa de Anápolis e o secretário de Estado de Saúde, Ismael Alexandrino, na manhã de quarta-feira (15).

    Na reunião, ficou acordado que o convênio do estado com a instituição será assinado até o final desta semana e o valor do repasse pode variar entre R$ 500 e R$ 600 mil mensais. Os atendimentos já foram retomados.  O porta-voz do hospital, padre Clayton Bérgamo, afirmou, via assessoria, que não irá comentar a novidade.


    No dia da paralisação, o padre afirmou que o Estado sempre teve um convênio com a unidade, mas que ele não foi renovado em novembro, gerando um déficit de mais de R$ 500 MIL. Por outro lado, O Estado alegou não ter nenhum contrato vigente com o hospital que lhe obrigasse a enviar repasses referentes aos meses de janeiro a abril. Na terça, o governo classificou a suposta dívida de “inverídica”.

    O desentendimento, bem  como a alegada falta de recursos da unidade provocaram o fechamento do pronto-socorro, de modo que apenas gestantes e pacientes oncológicos fossem recebidos na unidade. Agora, com o novo comunicado, os atendimentos pediátricos e para adultos com fichas laranjas ou vermelhas foram normalizados.

    Fonte/Foto: Mais Goiás/ Reprodução