• Gerente da Saneago fala sobre abastecimento de água na cidade Quinta-feira, 14/03/2019 às 10:54:00

    Leandro Santiago

    Alvo de críticas por parte da população, o serviço de água em Anápolis foi assunto no Bate Rebate desta quinta-feira, 14, com a gerente local, Tânia Valeriano. 

    "O cliente não reclama à toa. Se reclama, é porque tem algo incomodando", disse Tânia, pedindo para que a população ligue no telefone da Saneago (0800 645 0117). Mas segundo a gerente, o número de vazamentos diminuíu. "Nós temos, em média, 40 vazamentos por dia. Chegamos a ter 170".

    Na terça-feira, o presidente da Câmara Municipal de Anápolis, Leandro Ribeiro, disse no Bate Rebate que a Saneago devia cerca de 8 a 9 milhões em massa asfáltica, o que foi negado por Tânia. "Não existe esse valor todo de débito. Chegou a acumular, sim. O serviço vem sendo pago ultimamente", que apontou os buracos pelo descompasso entre Prefeitura e Saneago. "Todos os dias a gente passa a planilha [de serviços], mas a Prefeitura trabalha por setor. Isso faz com que o tempo de 72 horas acabe não sendo cumprido". 

    A expectativa da Saneago é atingir 90% da rede de esgoto nos próximo dois anos. Segundo Tânia, 99,5% da cidade já tem a rede de água.

    Foto: Tati Bastos