• Em entrevista exclusiva Vice-Prefeito destaca ações da prefeitura e responde reclamações dos ouvintes Quarta-feira, 06/02/2019 às 13:08:10

    Lucas Almeida

    Em razão da posse dos 41 Deputados Estaduais, e também dos 513 eleitos Federais, na última sexta-feira, 01, o programa Bate Rebate recebeu o Vice-Prefeito de Anápolis, Márcio Cândido que falou sobre o novo cenário político para 2019, entre prefeitura e os novos poderes eleitos. Além disso, ressaltou o andamento de algumas obras na cidade, e ainda colocou Anápolis em destaque, frente a crise que o Estado está enfrentando.

    Questionado sobre a representatividade expressiva da cidade na Câmara de Deputados Estaduais, Cândido disse que Anápolis tem muito a ganhar, e que a prefeitura espera unir forças com os Deputados. “A gente espera que esses 3 representantes (Antônio Gomide, Amilton Filho e Coronel Adailton) estejam lá para defender os interesses do Estado, mas principalmente os do município, trazer melhorias para a cidade. Exemplo que pode ser explorado é a construção de uma nova escola estadual. Isso não acontece na cidade tem mais de 20 anos. Fato que deve ser avaliado, uma vez que, a cidade cresceu muito nesse tempo”, destaca o Vice-Prefeito.

    Diante das denúncias de moradores que a rádio recebeu nos últimos dias, Cândido destacou que a prefeitura já está com um projeto de ação, para sanar todas as necessidades anapolinas. Sobre a promessa de campanha para asfaltar as pontas de rua no Jardim Primavera, o Vice-Prefeito pediu calma aos moradores e salientou a importância de procurar o local certo, para obter a resposta certa. “Não adianta perguntar o maquinário, qual rua ele vai asfaltar, a ordem de serviço dele é asfaltar somente algumas ruas do projeto. O que a gente pede é que a população tenha paciência. Questione a própria Secretaria de Obras, estabeleça uma comunicação” explica Cândido.

    Sobre a administração financeira da cidade, diante do cenário de crise que o Estado enfrenta, o Vice-Prefeito pontuou que “O que a gente sabe é que Anápolis tem uma prefeitura que não tem medo de problema, e não pode ficar chorando que não tem dinheiro. Se a gente não tem dinheiro em caixa pra resolver, a gente tenta dar um jeito. Se tem pouco, a gente faz com o pouco, se não tem, a gente vai lá e põe a mão na massa. Enquanto tem lugares que o servidor sofre por estar com salário atrasado, o servidor municipal está com seu salário em dia e titulação”.

    Fonte/foto: Rádio São Francisco e Tatiane Bastos