• Campanha Internacional de prevenção ao câncer de mama Terça-feira, 03/10/2017 às 16:00:07

    A campanha internacional do Outubro Rosa chama atenção para a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama, o mais comum e o que mais mata mulheres de todo o mundo. Tem como objetivo discutir a importância dos exames preventivos, já que a doença tem grandes chances de cura quando diagnosticada em fase inicial.

    Segundo o Instituto Nacional do Câncer José de Alencar Gomes da Silva (INCA), o câncer de mama é o segundo tipo de tumor maligno mais incidente entre as brasileiras, atrás apenas do câncer de pele não melanoma. O câncer de mama também pode afetar homens, embora os casos sejam considerados raros.

    A mamografia é o principal exame para o diagnóstico desse tipo de câncer. A Sociedade Brasileira de Mastologia recomenda que mulheres acima de 40 anos o faça anualmente. Em caso de predisposição genética, é aconselhável que a mamografia anual seja realizada antes da mulher completar 40 anos de idade.

    Existem diversos tratamentos para o câncer de mama, que podem ser combinados ou não. O que vai determinar a escolha do tratamento é a presença ou ausência de receptores hormonais, o estágio do tumor, se já apresenta o diagnóstico com metástase ou não. Outro fator determinante para o tratamento é o estado de saúde da paciente. “Tratar o câncer de mama em uma mulher de 45 anos, saudável, é completamente diferente de fazer o tratamento em uma mulher com 80 anos”, alertam os médicos.

    Sabrina Pontes